De acordo com a Comissão de Acompanhamento da Meritocracia, serão necessários alguns ajustes na esfera administrativa da prefeitura de Figueirão, com extinção de cargos comissionados e troca de algumas chefias, visando o melhor andamento dos serviços e principalmente gerar economia para os cofres públicos.

Essa decisão de economicidade foi tomada em reunião entre o prefeito Rogério, o vice-prefeito Fernando, o assessor jurídico Dr. Gilson Trindade e o Diretor de Recursos Humanos Paulo Roberto Salomão.

“Precisamos apertar o cinto nesta hora difícil, e esperamos que nossos funcionários entendam a razão dessas mudanças”, disse o prefeito Rogério.